Abril 2019

Os podcasts ganharam recentemente um enorme destaque tanto nos EUA quanto internacionalmente. O que você deve saber sobre essa tendência? Em resumo, os ouvintes de podcast são “leais”, “instruídos” e “afluentes” — três características que devem fazer com que qualquer marca premium preste atenção.

No momento em que as pessoas estão tentando reduzir o tempo frente às telas, o diferencial dos podcasts é de não requerer nenhuma atenção visual. Os podcasts permitem que você aprenda enquanto faz várias tarefas e são o seu melhor amigo durante o trajeto matinal para o trabalho. Tudo isso explica porque esse formato de conteúdo se tornou tão proeminente e porque as marcas estão escolhendo este caminho: Pepsi, Starbucks, Google, Microsoft e Tinder, etc. A questão é: sua marca também deve começar um podcast?

1.     O DNA da sua marca

O podcast precisa refletir o DNA da sua marca. Um ótimo exemplo é Casper's In Your Dreams. A Casper não é apenas uma empresa de colchões, mas uma marca de estilo de vida associada a um bom sono. O podcast envolve a análise dos sonhos das pessoas, que é uma maneira criativa de ser interessante, informativo e alinhado com a personalidade da marca.

2.     Tom de voz

Um podcast pode ser o que você quiser: um conselheiro experiente e inteligente, um amigo que adora divertir-se ou um artista com senso de humor. O tom de voz determina o papel da sua marca para os clientes em potencial.

3.    Valor para o ouvinte

Seu podcast precisa agregar valor à vida dos ouvintes ou não valerá a pena. Ninguém quer ouvir uma marca que se promova descaradamente. Seja para aprender, relaxar ou se divertir, deve haver um motivo para o ouvinte se inscrever em seu podcast. Por exemplo, Fortune Favors the Bold, da MasterCard, fala sobre o futuro do dinheiro; o aplicativo de negociação de ações sem taxas Robinhood lançou o Robinhood Snacks para oferecer notícias financeiras rápidas e fáceis de entender; o Why We Eat What We Eat da empresa de kits de refeições Blue Apron investiga as forças invisíveis que moldam nossos hábitos alimentares. Um podcast de marca pode ser uma vitória real se o conteúdo agregar valor e engajar o público-alvo.

4.     Duração

Uma ótima resposta é: “um podcast deve durar o tempo que for necessário, mas nem um segundo a mais.” A duração média de um podcast é de 43 minutos, mas o que realmente importa é a seguinte pergunta: quanto tempo você precisa para contar uma boa história? Esse é a duração do podcast da sua marca.

5.     Mercados Internacionais

Enquanto 50% dos lares americanos são fãs de podcast e 51% da população dos EUA ouviu um podcast em 2018, a tendência não para por aí. Coreia do Sul, Espanha, Suécia e Austrália estão na frente dos EUA. De acordo com um relatório da Reuters, 58% da população sul-coreana ouviu pelo menos um podcast no último mês!



Tem mais perguntas sobre podcasts? Fale com a gente! Estamos muito animados para ver para aonde essa tendência está indo e não podemos esperar para ouvir seu podcast de marca!